Conheça o cardápio da Menina Bonita Tapioca House

Desde maio de 2015, uma tapiocaria tem chamado atenção de quem passa pela Av. Abel Cabral, em Nova Parnamirim. Tentando fazer diferente em terras potiguares, onde comer tapioca e derivados de macaxeira é como beber água, o pessoal do Menina Bonita Tapioca House teve que pensar fora da caixa para fazer um produto diferente da que todo mundo já conhece.

A partir daí, surgiram combinações como a tapioca “Aline”, homônima e favorita da chef criadora dos sabores Aline Hans. A combinação de queijo, presunto e leite condensado saiu poucas vezes, mas agradou a quem comeu. Nesse barco também tem a tapioca Julieta (banana, carne de sol e queijo coalho), uma das mais pedidas.

Calabresa flambada na cachaça e molho barbecue; R$ 11
Tapioca Érika: calabresa flambada na cachaça e molho barbecue; R$ 11

Todos os pratos da casa são uma referência ao nome do lugar e, dentre essas meninas bonitas, eu provei a maravilhosa Érika (foto acima, calabresa flambada na cachaça e molho barbecue; R$ 11) e a Leide (foto abaixo, carne de sol refogada na manteiga do sertão com creme de macaxeira; R$ 14).

A Érika conquistou meu coração de tão saborosa e ainda me inspirou ao nomear este blog, como vocês devem ter percebido.

Tapioca Leide: carne de sol refogada na manteiga do sertão com creme de macaxeira; R$ 14
Tapioca Leide: carne de sol refogada na manteiga do sertão com creme de macaxeira; R$ 14

Alguns dos outros nomes não estão lá aleatoriamente! A chef Aline revelou que algumas meninas bonitas são conhecidas suas. “Algumas tem a ver, por exemplo, a Samara é uma amiga minha, que sempre que a gente saía para barzinhos, ela pedia batata chilli cheddar e aí surgiu a tapioca com carne moída apimentada, cheddar e bacon. Minha irmã Helena, que onde ela vai só come pizza de frango com catupiry, minha mãe Judy, que é a tapioca mais cara, de camarão”, conta.

Entre tantos sabores diferentes, o cardápio da casa também conta com a tradicional Maria (ginga com tapioca), tapiocas doces, sopas, amostradinhas (escondidinhos com recheio à mostra) e sanduíches voltados para o público infantil.

Pra quem quiser comer uma tapioca boa, fininha, bem recheada e sem gastar o olho da cara (preços vão até R$ 16), a Menina Bonita funciona de segunda a domingo das 17h às 22h30 na unidade da Av. Abel Cabral e com delivery.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s